Mundo Sombrio - Um Fórum Assustador E Real - Entre Se Tiver Coragem

O Mundo Sombrio está de volta, dessa vez em Blog, visite: http://mundosombrioculto.blogspot.com.br

O Mundo Sombrio Tem Um Conteúdo Assustador E Real - Entre Se Tiver Coragem

Estatísticas

Os nossos membros postaram um total de 2426 mensagens em 1888 assuntos

Temos 473 usuários registrados

O último usuário registrado atende pelo nome de MarshaWag

Últimos assuntos

» Medusa
Qui Mar 26, 2015 9:56 pm por tifanysangrenta

» Topico Criado Para Membros Novos
Sab Jul 12, 2014 11:35 pm por † Maurício †

» Como fazer O JOGO DO COPO
Seg Jun 30, 2014 1:14 pm por John Doe

» Livro: A ilusão de Lilith
Qua Jun 11, 2014 10:34 am por SECRET LOBA BRANCA

» A Lenda da Estatua.
Dom Jun 08, 2014 6:52 pm por SECRET LOBA BRANCA

» Olá :D
Sex Jun 06, 2014 12:25 pm por † Maurício †

» Apresentações - Como Tudo Começou e Muito Mais
Dom Jun 01, 2014 8:55 am por † Maurício †

» As 7 Profecias Maias
Sex Maio 30, 2014 4:31 am por † Maurício †

» Oi
Seg Fev 24, 2014 9:04 pm por † Maurício †

Quem está conectado

3 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 3 Visitantes :: 1 Motor de busca

Nenhum


O recorde de usuários online foi de 1036 em Qui Set 18, 2014 3:25 pm

Parceiros


Doces Sonhos

Compartilhe
avatar
† Maurício †
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR

Mensagens : 1934
Pontos : 16640
Reputação : 11
Data de inscrição : 27/11/2011

default Doces Sonhos

Mensagem por † Maurício † em Sex Dez 02, 2011 9:58 pm

Nove
e quinze de uma manhã ensolarada de terça feira, Jaqueline aguarda
sentada em uma das poltronas da recepção do consultório médico do Dr.
Tavares.
Suas noites estavam difíceis, pois a insônia predominava há
semanas, seu belo rosto jovem de apenas vinte e cinco anos parecia
cansado e doente. Provavelmente pela falta de descanso, ela vinha tendo
algumas alucinações com vultos e imagens estranhas.
Aguardou por dez minutos, até que a paciente anterior abre a porta e sai da sala do médico.
Já muito inquieta e com sinais de irritação ela é chamada para a consulta.
Era
a primeira vez que ela se tratava com o Dr. Tavares, aparentemente era
um homem calmo e parecia gostar de sua profissão, o que causava
estranheza era uma cruz invertida pendurada atrás da porta. Era muito
pequena, mas como boa observadora, notara o objeto.
Disse para
Jaqueline, que estes eram sintomas de um princípio de depressão,
espantada ela pede um remédio, o médico diz para ela se dirigir para uma
outra sala onde a enfermeira iria aplicar uma injeção que faria com que
ela dormisse por um bom tempo até que retomasse suas forças.
Após
ser medicada ela volta para o consultório, agradece o médico, e sente um
certo incômodo, principalmente um pouco de dor em seu peito esquerdo
onde possuía uma marca de nascença.

A injeção começa a fazer
efeito por volta das duas horas da tarde, Jaqueline sente muito sono e
segue para seu quarto onde poderia finalmente repousar.

Seu sono
era profundo, mas alguns de seus sentidos permaneciam inalterados. Com o
passar das horas, pesadelos começavam a se formar junto com alucinações
demoníacas que faziam com que Jaqueline se mexesse muito na cama.

Na
manhã seguinte Jaqueline acorda com uma forte dor de cabeça e sua marca
de nascença doía. Nem se preocupou muito, pois pensava ser efeito do
remédio.
Apesar de ter dormido por muito tempo ainda sentia-se cansada e com medo de algo que ela nem sabia ao certo do que se tratava.

Quase
à noite, por volta das seis e meia da tarde, Jaqueline novamente sente
sono e feliz por pensar estar curada segue para um bom banho, morava
sozinha em uma bela casa muito próxima ao centro da cidade, o telefone
toca, sai com uma toalha branca enrolada em seu corpo. Ao atender, nota
que a voz era familiar, mas repentinamente o telefone ficou mudo.

Jaqueline acorda deitada na cama e enrolada em uma toalha amarela.

Sua
memória estava falhando, chovia muito, ela estranha, pois antes de
atender ao telefone estava uma bela tarde quente. Nem nota o fato da cor
da toalha ser diferente.

Anda até a sala onde ao olhar para o
relógio toma um susto ao ver que marcava cinco e trinta e quatro da
tarde, muito confusa liga a televisão e assusta-se com o fato de já ter
se passado um dia.
Preocupada e pensando ter desmaiado, marca uma nova consulta com o médico.

Nesta noite, a insônia voltara e Jaqueline nota que sua marca aumentara de tamanho.
Rápidas alucinações de pessoas pedindo ajuda vêem à sua cabeça.

Na
manhã seguinte, já no consultório explica para o Dr. Tavares o que
aconteceu com ela nos últimos dois dias. Ele diz que era perfeitamente
normal, já que ela tomou um medicamento muito forte. Sobre os pesadelos e
alucinações, dizia ele que eram apenas mais algumas reações.
Jaqueline com receio não comentou sobre as dores e o aumento de sua cicatriz.
Novamente a cruz invertida a incomoda muito.

Quando
assinava sua ficha na recepção, sentiu-se mal e a lembrança de seu
falecido pai vem a cabeça. A recepcionista preocupa-se, mas Jaqueline
nega qualquer ajuda.

Jaqueline, sem dar muita importância para isso, entra em seu carro e vai até um supermercado fazer algumas compras.

Anda
calmamente, realizando suas compras, por ser muito cedo o movimento era
pequeno e ela tinha a impressão de ver vultos correndo entre as
prateleiras. Sentia que alguém a vigiava e perseguia.

Compra tudo o que precisa e novamente volta para sua casa.

O sono retorna e Jaqueline deita-se para tentar dormir mais um pouco.

Morava
sozinha, pois seus pais e dois irmãos haviam morrido em um acidente de
carro quando voltavam da praia, felizmente Jaqueline trabalhava naquele
dia e não pode acompanhá-los.
Dois anos já passaram, mas a lembrança
deles ainda era viva em sua memória, Jaqueline acreditava em espíritos e
em muitas noites sonhava que eles ainda estavam ao seu lado.

Nessa
noite em especial, Jaqueline sonhara que estava nua em uma rua muito
escura e sua mãe aparecia apontando para o ferimento em seu seio e logo
após ela desaparecia e uma imagem que se assemelhava a de um demônio
aparecia em seu lugar.

A família de Jaqueline era atéia e em algumas ocasiões seu pai procurou nas forças malignas a solução de seus problemas.

Jaqueline
continuava a ter pesadelos, e sempre vinham acompanhados de imagens de
demônios, em certo momento em seu sonho sentiu um forte sangramento
proveniente de sua ferida no peito.

Assustada corria em direção a
uma fogueira que não a queimava. Ao entrar em meio às chamas sente a
presença do Dr. Tavares, no exato momento em que iria olhar de perto
para confirmar sua suspeita, ela acorda.

O medo era real, ao
abrir seus olhos depara-se com o médico na sua frente, suas mãos estavam
amarradas na cama. Dr. Tavares realizava um ritual de magia negra.
Jaqueline gritava muito, mas infelizmente nenhum de seus vizinhos conseguiu escutar seus pedidos de ajuda.
Jaqueline chorava demasiadamente, pensava que seria estuprada ou roubada, mas o médico tinha outros planos para ela.

O
dia amanhece, e Jaqueline continuava amarrada, Tavares dormiu no mesmo
quarto e com muito cinismo explicou que conseguiu roubar de sua bolsa
uma cópia da chave de sua casa.

Tavares rasga a roupa de Jaqueline, e dá início ao ritual do sacrifício, que duraria muitas horas ou até mesmo dias.

Um pentagrama é desenhado com um canivete em sua barriga, os gritos de dor e desespero foram abafados com uma amordaça.

O
sangue escorria lentamente até o lençol, sua pele estava rasgada e
queimava muito, pois pingos de vela foram jogados em cima dos cortes.

A cicatriz de Jaqueline parecia ganhar mais forma e tamanho, transformando-se em uma cruz invertida, símbolo do satanismo.

Tavares
realizava algumas orações em uma linguagem estranha, Jaqueline sente
algo estranho, sua visão lentamente escurece e uma forma demoníaca surge
em meio à escuridão. Essa força das trevas parecia conduzir seu
espírito a um lugar repleto de fogo.
Repentinamente Jaqueline volta a si, novamente sentido dores insuportáveis vindas da mutilação de um de seus dedos do pé.

Desejava a morte acima de qualquer coisa, pois aquilo era uma situação inimaginável.

Dois dias se passaram.

Jaqueline
foi levada para um matagal, agonizando e sem forças ainda resistia às
mutilações, quase todo seu corpo já possuía cortes e queimaduras, por
pouco não sofreu uma grave hemorragia.

Muito fraca e sem voz por
tentar gritar ainda insiste em perguntar o motivo daquilo. Tavares olha
para Jaqueline e leva até seus lábios o sangue que escorria de seu
abdômen. Sabendo que ela estava em seus últimos dias decide revelar a
verdade:

Tavares e Mário, pai de Jaqueline, estudaram juntos na
faculdade e descobriram o poder da magia negra. Renunciando a Deus,
partiram para o lado do Demônio e conseguiram inúmeras conquistas.

O
pai de Jaqueline prometeu sua filha mais velha às trevas se ele
conseguisse um status social e reconhecimento da classe médica.
Numa semana após seu nascimento a menina foi marcada com a cruz invertida, em algum dia seria serva ao diabo que viria buscá-la.
Tavares
também pediu dinheiro e sucesso e em troca, prometeu acabar com a
família de Jaqueline, onde suas almas seriam transportadas para o
inferno.
No dia antes do acidente, Tavares mexeu no motor do carro da família, provocando o acidente e morte de todos.
Jaqueline sobreviveu por vontade de Satã, pois para ela existiriam outros planos.

Jaqueline
estava em seus últimos momentos, Tavares retirou a amordaça e em seu
último suspiro olhou para o médico e mandou-o ir para o inferno.

Tavares riu e cravou uma faca no coração da moça, que nem teve como reagir. Morreu instantaneamente.

O
médico teve uma surpresa quando reparou que os ferimentos do corpo de
Jaqueline começaram a se regenerar. Lentamente ela retorna à vida, só
que desta vez possuída por algo muito poderoso.
Com uma força
descomunal arrebenta as cordas que a prendiam e agarra Tavares pelo
pescoço. Uma voz grossa e medonha diz que chegou a hora dele pagar a
dívida e seu lugar já estava reservado.
Tenta lutar, mas inutilmente consegue alguma coisa. Ele é enforcado.

Jaqueline
foi enviada das trevas, para cobrar as dívidas de seu supremo, atrás de
uma pessoa simples e aparentemente calma existia a mais confiável filha
do demônio.

    Data/hora atual: Qui Jan 18, 2018 7:07 am