Mundo Sombrio - Um Fórum Assustador E Real - Entre Se Tiver Coragem

O Mundo Sombrio está de volta, dessa vez em Blog, visite: http://mundosombrioculto.blogspot.com.br

O Mundo Sombrio Tem Um Conteúdo Assustador E Real - Entre Se Tiver Coragem

Estatísticas

Os nossos membros postaram um total de 2426 mensagens em 1888 assuntos

Temos 473 usuários registrados

O último usuário registrado atende pelo nome de MarshaWag

Últimos assuntos

» Medusa
Qui Mar 26, 2015 9:56 pm por tifanysangrenta

» Topico Criado Para Membros Novos
Sab Jul 12, 2014 11:35 pm por † Maurício †

» Como fazer O JOGO DO COPO
Seg Jun 30, 2014 1:14 pm por John Doe

» Livro: A ilusão de Lilith
Qua Jun 11, 2014 10:34 am por SECRET LOBA BRANCA

» A Lenda da Estatua.
Dom Jun 08, 2014 6:52 pm por SECRET LOBA BRANCA

» Olá :D
Sex Jun 06, 2014 12:25 pm por † Maurício †

» Apresentações - Como Tudo Começou e Muito Mais
Dom Jun 01, 2014 8:55 am por † Maurício †

» As 7 Profecias Maias
Sex Maio 30, 2014 4:31 am por † Maurício †

» Oi
Seg Fev 24, 2014 9:04 pm por † Maurício †

Quem está conectado

2 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 2 Visitantes

Nenhum


O recorde de usuários online foi de 1036 em Qui Set 18, 2014 3:25 pm

Parceiros


Desenhos na areia e as imagens do planalto de Nazca

Compartilhe
avatar
† Maurício †
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR

Mensagens : 1934
Pontos : 16370
Reputação : 11
Data de inscrição : 27/11/2011

default Desenhos na areia e as imagens do planalto de Nazca

Mensagem por † Maurício † em Qui Abr 11, 2013 3:12 pm

Na semana passada estava a ver um documentário e, por casualidade, apareceu uma breve entrevista com o artista americano Jim Denevan. Até aqui nada de especial não fosse a actividade artística deste senhor: desenhar figuras gigantescas em areia/terra, que só podem ser compreendidas do ar ou de um ponto elevado. Jim só utiliza um pau, com o qual vai rabiscando no chão a sua arte, sem qualquer acompanhamento aéreo da evolução do desenho. Em 2009 fez no deserto do Nevada maior composição artística circular de que há memória.

Isto fez-me saltar à memória de imediato as figuras do planalto de Nazca que, apesar de terem sido desmistificadas nos anos 90 e interpretadas como circuitos processionais pré-incas (visíveis de uma elevação próxima, curiosamente omitida sempre há um documentário "alien" sobre o assunto), continuam a resistir teimosamente como uma prova da vinda de extraterrestres ao nosso planeta.

Fica claro que com meios rudimentares e sem uma planificação aérea é prefeitamente possível fazer desenhos na paisagem com uma escala bastante grande. Isto explica não só a relativa facilidade com que terão sido feitas as imagens de Nazca e é uma boa hipótese de compreensão dos famosos crop circles.

Mais uma vez, volto a dizer que acredito em vida inteligente extraterrestre, nas suas visitas ao nosso planeta, mas não podemos, por desconhecimento do engenho humano, avançar sem "saber ler nem escrever", para uma interpretação extraterrena. Como já disse noutro tópico, na maior parte das vezes quando nos deparamos algo genial relacionado como uma cultura antiga, julgamos facilmente que era impossível fazerem durante aquela época isto ou aquilo. Este tipo de interpretação é um fenómeno de mentalidade urbana, em que gerações se desligaram do trabalho manual e dificilmente compreendem que é possível fazer grandes "obras" com meios rudimentares (o que não significa necessariamente pouco pragmáticos e isentos de cálculo). Volto ao exemplo que já aqui deixei certa vez: já vi um velhote, mestre canteiro, partir ao meio um penedo de granito do tamanho de uma casa apenas com meia dúzia de cunhas em ferro e uma marreta.

Bom Medo Extremo
Fonte: portugalparanormal.com

    Data/hora atual: Sab Nov 25, 2017 4:39 am